Gengivoplastia a laser – O que é e quanto custa

Gengivoplastia a laser – O que é e quanto custa

A gengivoplastia a laser ganhou destaque por ser rápida e sem pontos, Portanto, não há cicatriz e a recuperação ocorre em curto espaço de tempo.

Sumário

O que é gengivoplastia a Laser?

Gengivoplastia na Allegra Odontologia
Gengivoplastia na Allegra Odontologia

A gengivoplastia a laser é um procedimento odontológico que utiliza um laser para remodelar a gengiva e é uma técnica minimamente invasiva que pode ser usada para corrigir uma variedade de problemas gengivais como gengivas excessivamente grandes, assimetria gengival, retração gengival e outras condições que afetam a aparência das gengivas.

Laser LiteTouch na Allegra Odontologia

Laser LiteTouch na Allegra Odontologia

Durante o procedimento, o dentista utiliza um laser para remover o excesso de tecido gengival ou remodelar a gengiva para obter uma aparência mais estética o qual também ajuda a selar os vasos sanguíneos que pode reduzir o sangramento e o desconforto associados ao procedimento.

A gengivoplastia a laser geralmente é realizada em consultório odontológico e pode ser concluída em uma única sessão.

É importante seguir as instruções do seu dentista para cuidar adequadamente da área tratada para evitar complicações.

Como funciona a correção do sorriso gengival?

Gengivoplastia a Laser na Allegra Odontologia

Primeiramente, o sorriso gengival tende a ser mais comum em mulheres. Porém, indicamos a remodelagem quando um ou mais dentes contém cobertura da gengiva maior que a outra visto que esse desalinhamento é que torna o sorriso sem harmonia.

A partir de um planejamento e análise do paciente, o especialista retira as partes da gengiva. Entretanto, recomendamos procurar um cirurgião-dentista que atua como especialista em orofacial.

Aqui na Allegra Odontologia, Dr. Rodolfo Segawa é especializado em Laser Lite Touch e pode fazer uma avaliação criteriosa e com excelência.

Isso porque retirar excessos da gengiva não é suficiente mas sim, considerar o alinhamento com base num estudo. Isto é, checar os traços do paciente e desenhar a gengiva com base na sua estrutura.

Apenas com a Harmonização Facial, o especialista consegue integrar todas as informações do rosto e gerar um planejamento.

Na Allegra Odontologia atuamos com tecnologias avançadas, Portanto sempre oferecemos seviços qualificados aos nossos clientes.

Ou seja, temos uma equipe de especialistas preparados para atender. Portanto, todos dominam as ferramentas mais modernas do mercado. Além de acompanhar tendências de modo constante!

Em resumo, a gengivoplastia a laser é uma cirurgia simples, rápida e sem marcas. Sendo assim, em pouco tempo, o paciente já ganha um novo sorriso!

Além de promover harmonização facial, melhorar a autoestima, o paciente pode desfrutar da mudança em poucas semanas.

Com a gengivoplastia a laser você pode aproveitar as férias para planejar a transformação do seu sorriso. Entre em contato com nossa equipe e garanta a sua data!

Quanto custa a gengivoplastia a laser?

O custo da gengivoplastia a laser pode variar dependendo de vários fatores como a localização geográfica, a experiência do dentista, a extensão do procedimento necessário e outros fatores específicos do paciente.

Em média, o custo da gengivoplastia a laser pode variar de R$ 300 a R$ 1500 por dente, e sempre é importante consultar um dentista qualificado para obter um orçamento preciso com base nas suas necessidades específicas.

Como diminuir a gengiva naturalmente?

Foto ilustrativa de gengiva Inflamada sendo tratada na Allegra Odontologia
Foto ilustrativa de gengiva Inflamada sendo tratada na Allegra Odontologia

A redução da gengiva naturalmente não é comprovadamente possível, uma vez que a quantidade de gengiva presente em cada pessoa é determinada geneticamente e pode ser influenciada por fatores como idade, saúde bucal geral e hábitos alimentares.

No entanto, é importante manter uma boa higiene bucal para prevenir a inflamação e o acúmulo de placa bacteriana na gengiva, que podem fazer com que ela pareça maior do que realmente é.

Escove os dentes com uma escova de cerdas macias como Curaprox ou Colgate por exemplo, pelo menos duas vezes por dia e use fio dental diariamente para remover a placa bacteriana e evitar a inflamação da gengiva.

Se você está preocupado com a aparência da sua gengiva, é melhor consultar um dentista para avaliar a situação e discutir as opções de tratamento disponíveis, como a gengivoplastia a laser, que pode ajudar a alterar a forma ou a aparência da gengiva.

Para que serve o laser na gengiva?

Laser para a realização da plástica gengival na Allegra Odontologia
Laser para a realização da plástica gengival na Allegra Odontologia

O laser na gengiva pode ser usado para uma variedade de finalidades, incluindo:

1. Remoção de tecido gengival excessivo: o laser pode ser usado para remover o excesso de gengiva que cobre os dentes, melhorando a aparência estética e facilitando a higiene bucal.

2. Tratamento de gengivite: o laser pode ser usado para remover a placa bacteriana e o tártaro que causam a inflamação da gengiva, ajudando a tratar a gengivite.

3. Remoção de lesões na gengiva: o laser pode ser usado para remover lesões na gengiva, como fibromas e papilomas, de maneira minimamente invasiva.

4. Tratamento de bolsas periodontais: o laser pode ser usado para remover bactérias e tecido inflamado das bolsas periodontais, ajudando a tratar a periodontite.

5. Redução de sensibilidade dentária: em alguns casos, o laser pode ser usado para selar os túbulos dentinários expostos, reduzindo a sensibilidade dentária.

Em geral, o laser na gengiva é uma opção segura e eficaz para muitos procedimentos odontológicos, com menos sangramento, dor e tempo de recuperação em comparação com os métodos tradicionais.

No entanto, é importante discutir as opções de tratamento com um dentista qualificado para determinar se o laser é a melhor opção para você.

Para quem é indicado?

tratamento periodontal na Allegra Odontologia
tratamento periodontal na Allegra Odontologia

A gengivoplastia é indicada para pessoas que desejam melhorar a aparência de suas gengivas ou corrigir problemas estéticos ou funcionais relacionados à gengiva. Esses problemas podem incluir:

1. Gengivas excessivamente grandes: o excesso de tecido gengival pode fazer com que os dentes pareçam curtos e desproporcionais em relação às gengivas.

2. Assimetria gengival: a gengiva pode crescer de maneira desigual em torno dos dentes, resultando em uma aparência assimétrica.

3. Retração gengival: a retração gengival pode ocorrer devido à idade, escovação agressiva, doença periodontal ou outros fatores, expondo as raízes dos dentes e aumentando o risco de sensibilidade dentária, cárie e perda óssea.

4. Inflamação gengival: a inflamação da gengiva pode ocorrer devido à placa bacteriana e tártaro, resultando em gengivite e periodontite.

Foto de gengiva inflamada e sangrando que precisa ser tratada na Allegra Odontologia
Foto de gengiva inflamada e sangrando que precisa ser tratada na Allegra Odontologia

É importante discutir as opções de tratamento com um dentista qualificado para determinar se a gengivoplastia é a melhor opção para você.

A gengivoplastia a laser é uma opção minimamente invasiva e eficaz para corrigir esses problemas, melhorando a aparência estética das gengivas e ajudando a prevenir problemas dentários futuros.

Quantos mm pode tirar na gengivoplastia?

Realizada sob anestesia local, essa cirurgia geralmente envolve a remoção de 1 a 2 milímetros de tecido gengival.

Em geral, a gengivoplastia pode remover alguns milímetros de tecido gengival em torno dos dentes, o que pode melhorar significativamente a aparência estética das gengivas.

No entanto, é importante consultar um dentista qualificado para avaliar a situação e discutir as opções de tratamento, incluindo a quantidade de tecido gengival que pode ser removida durante a gengivoplastia.

Pós operatório ou Recuperação

A recuperação da Gengivoplastia(hipertrofia gengival) pode variar de pessoa para pessoa, mas aqui estão algumas informações gerais sobre o que esperar:

  • Inchaço e desconforto: É normal sentir algum inchaço e desconforto na área da cirurgia nas primeiras horas ou dias após o procedimento. Você pode usar compressas de gelo envolvidas em um pano fino para ajudar a reduzir o inchaço e tomar analgésicos conforme orientação do seu dentista para aliviar o desconforto.
  • Alimentação: Nos primeiros dias após a cirurgia, é recomendável uma dieta líquida ou pastosa e evitar alimentos quentes ou muito picantes. Evite alimentos duros que possam machucar a área operada.
  • Higiene bucal: É importante manter uma boa higiene bucal após a gengivoplastia, mas evite escovar a área operada nos primeiros dias. Seu dentista pode recomendar um enxaguatório bucal suave para ajudar na limpeza. Após alguns dias, você poderá escovar suavemente a área com uma escova de dente de cerdas macias. 
  • Repouso: É aconselhável descansar e evitar atividades físicas intensas nos primeiros dias após a cirurgia para facilitar a recuperação.
  • Medicamentos: Siga rigorosamente as orientações do seu dentista quanto à medicação prescrita, especialmente se houver antibióticos ou analgésicos.
  • Retorno ao dentista: Agende uma consulta de acompanhamento com seu dentista para verificar como está a cicatrização e se há necessidade de ajustes.

Qual a diferença entre gengivectomia e gengivoplastia?

A diferença entre gengivectomia e gengivoplastia está na extensão da cirurgia. Na gengivectomia, a remoção de tecido gengival é mais abrangente, enquanto na gengivoplastia, o foco é no remodelamento da gengiva.

Portanto, a gengivectomia envolve uma remoção mais ampla, enquanto a gengivoplastia se concentra na modelagem.

Ambos os procedimentos podem ajudar a melhorar a saúde e a aparência da gengiva, mas são indicados para diferentes propósitos e condições.

Precisa tirar o aparelho para fazer gengivoplastia?

Em geral, não é necessário remover o aparelho ortodôntico para realizar a gengivoplastia. No entanto, pode ser necessário remover temporariamente alguns fios e braquetes para permitir o acesso à área que precisa ser tratada.

O dentista avaliará a situação individualmente e decidir se é necessário remover temporariamente o aparelho para realizar a gengivoplastia.

Em alguns casos, pode ser necessário aguardar até que o aparelho seja removido antes de realizar o procedimento.

Se o aparelho não for removido, o dentista tomará precauções extras para protegê-lo durante o procedimento, cobrindo-o com uma proteção de borracha ou plástico para evitar danos.

Como diminuir o excesso de gengiva?

Foto de boca de paciente com gengivite sendo necessario passar no periodontista na Allegra Odontologia
Foto de boca de paciente com gengivite sendo necessário passar no periodontista na Allegra Odontologia

Existem vários procedimentos odontológicos que podem ajudar a diminuir gengiva, como:

  1. Gengivoplastia a laser: a gengivoplastia a laser é um procedimento não cirúrgico que usa um laser para remover o excesso de tecido gengival e remodelar a gengiva para melhorar sua aparência estética e diminuir gengiva.
  2. Gengivectomia: a gengivectomia é um procedimento cirúrgico que remove o excesso de tecido gengival com um bisturi ou uma tesoura cirúrgica. O procedimento é feito sob anestesia local e pode exigir pontos de sutura.
  3. Ortodontia: em alguns casos, o excesso de gengiva pode ser causado por um problema de posicionamento dos dentes. O uso de aparelhos ortodônticos pode ajudar a corrigir a posição dos dentes e reduzir o excesso de gengiva.
  4. Correção cirúrgica da mandíbula: em alguns casos raros, o excesso de gengiva pode ser causado por uma mandíbula superior muito grande. A correção cirúrgica da mandíbula pode ajudar a reduzir o excesso de gengiva.

É importante consultar um dentista qualificado para avaliar a situação e discutir as opções de tratamento disponíveis para o seu caso específico de excesso de gengiva. O tratamento precoce pode ajudar a prevenir a progressão do problema e melhorar a aparência estética e a saúde da gengiva.

Perguntas frequentes:

Veja abaixo as perguntas mais frequentes dos pacientes:

Pode escovar os dentes depois de uma gengivoplastia?

Sim, você pode escovar os dentes depois de uma gengivoplastia, mas é importante seguir as instruções do dentista para cuidar adequadamente da área tratada e evitar complicações.

Tem como recuperar gengiva retraída?

Sim, é possível recuperar a gengiva retraída, mas o tratamento dependerá da causa subjacente e da gravidade da retração gengival.

É importante consultar um dentista para avaliar a situação e discutir as opções de tratamento disponíveis para a sua condição específica de gengiva retraída.

Quem faz gengivoplastia pode malhar?

Sim, é possível fazer exercícios físicos após a gengivoplastia, mas é importante evitar atividades extenuantes nos primeiros dias após o procedimento para permitir a cicatrização adequada.

O dentista pode recomendar que você evite exercícios físicos intensos, levantamento de peso ou atividades que possam aumentar a pressão sanguínea e causar sangramento ou inchaço na área tratada nas primeiras 24 a 48 horas após a gengivoplastia.

O que nao pode fazer depois da gengivoplastia?

Após a gengivoplastia, é importante seguir as instruções do dentista para cuidar adequadamente da área tratada e evitar complicações. Algumas das coisas que você deve evitar após a gengivoplastia incluem:

  • 1. Comer alimentos duros, pegajosos ou crocantes: esses alimentos podem danificar a área tratada e retardar a cicatrização adequada.
  • 2. Fumar ou usar qualquer produto de tabaco: fumar pode retardar a cicatrização e aumentar o risco de infecção.
  • 3. Consumir bebidas alcoólicas: o álcool pode aumentar o risco de sangramento e retardar a cicatrização.
  • 4. Bochechar líquidos vigorosamente: isso pode perturbar a área tratada e aumentar o risco de sangramento.
  • 5. Escovar com muita força: escove cuidadosamente os dentes e a gengiva tratada com uma escova de cerdas macias, evitando áreas que ainda estejam sensíveis ou doloridas.
  • 6. Usar enxaguante bucal com álcool: o álcool pode irritar a área tratada e retardar a cicatrização.
  • 7. Fazer exercícios físicos intensos: atividades extenuantes podem aumentar a pressão sanguínea e causar sangramento ou inchaço na área tratada.

É importante seguir as instruções do dentista e tomar os medicamentos prescritos para ajudar a controlar a dor e evitar infecções.

Mapa do Site

Alguns artigos

TATUAPÉ

 Rua Padre Estevão Pernet, 175 Tatuapé – São Paulo / SP CEP: 03315-000
 Tel.: (11) 3562-8744

Dr. Rodolfo Segawa CROSP: 61148 CROSP-CL: 7041

ITAPEVI

 R. Américo Valentim Cristianini, 10 Centro – Itapevi/SP CEP: 06657-030
  Tel.: (11) 4142-8744
Dr. Fábio Segawa CROSP: 68988 CROSP-CL: 6859

Moema

Rua Joaquim de Almeida, 287 – Moema, São Paulo – SP
 Tel.: (11) 3562-8744
Tel.: (11) 96172-4207